Brasil, 26 de Novembro 2014

1507056 Visitas



Furtado

 
 CCIR - Cadastro Rural


CERTIFICADO DE CADASTRO DE MÓVEL RURAL - CCIR- INCRA

01/06/2005

Por: Roberto Tadeu Teixeira  

O CERTIFICADO DE CADASTRO DE IMÓVEL RURAL CCIR, emitido pelo INCRA, foi instituído pela Lei Federal nº 5.868 de 12 de dezembro de 1972  que foi regulamentado pelo decreto 72.106 de 18/04/73, onde obriga todos os proprietários rurais, titulares do domínio útil ou possuidores a qualquer título, bem como os parceiros arrendatários e comodatários a se cadastrarem no INCRA, onde após o cadastro o proprietário obterá o respectivo CERTIFICADO DE CADASTRO DE IMÓVEL RURAL- CCIR, documento indispensável para desmembrar, arrendar, hipotecar, vender ou prometer em venda o imóvel rural e para homologação de partilha amigável ou judicial "sucessão causa mortis", de acordo com a Lei nº 4.947 de 06 de abril de 1966.

É importantíssimo que todo profissional credenciado no INCRA para executar trabalhos de georreferenciamento de imóvel rural em atendimento a Lei nº 10.267/01 tenha total conhecimento de toda essa legislação afeta, pois terá reflexos na apresentação final de seus trabalhos que serão certificados.

Nesta edição daremos início a primeira etapa na série de três, onde orientaremos os profissionais credenciados, primeiramente a terem conhecimentos básicos sobre toda a legislação cadastral e alguns conceitos fundamentais para que o mesmo se qualifique a preencher corretamente os  três formulários de coleta de dados do imóvel, os  quais deverão fazer parte dos documentos necessários a Certificação exigida no Decreto nº 4.449/02 que regulamentou a Lei nº 10.267/02. Este é um serviço a mais que o citado profissional poderá oferecer ao proprietário que o contratou, visto que este formulário na maioria das vezes é preenchido erroneamente onde os equívocos cometidos no ato do preenchimento poderá ensejar uma classificação irreal do imóvel, quanto a sua  efetiva utilização (exploração) e produção (eficiência). 

I- O QUE DEVE SER CADASTRADO

O imóvel rural - "prédio rústico de área contínua, qualquer que seja a sua localização, que se destine ou possa se destinar a exploração agrícola, pecuária, extrativa vegetal, florestal ou agro-industrial", nos termos da Lei nº  8.629 de 25 de fevereiro de 1993 e Estatuto da Terras - Lei nº 4.504 de 30/11/64.

Em termos conceituais considera-se como um único imóvel, uma ou mais áreas confinantes, registradas ou não, pertencentes ao mesmo proprietário ou posseiro, de forma individual ou em comum (condomínio ou composse), mesmo na ocorrência das hipóteses abaixo:

1 -  estar situado total ou parcialmente em um ou mais municípios;
2 -  estar situado total ou parcialmente em zona rural ou urbana;
3 - ter interrupções físicas tais como: cursos d'agua e estradas , desde que seja  mantida a unidade econômica, ativa ou potencial.

II - QUEM DEVE CADASTRAR

As pessoas que mantém vinculação com o imóvel rural: proprietários, posseiros, e detentores a qualquer título, bem como os parceiros, arrendatários, comodatários  e usufrutuários.

. Proprietário - é a pessoa física ou jurídica que possui imóvel rural, válido e regularmente destacado do patrimônio público, registrado em seu nome no Registro imobiliário. O proprietário detém o domínio pleno( domínio direto e útil), abaixo conceituados:

  - Domínio direto: diz respeito ao direito de dispor  do imóvel rural.
  - Domínio útil: diz respeito ao direito de utilizar ou usufruir do imóvel rural.

. Enfiteuta ou Foreiro - é a pessoa que possui o domínio útil do imóvel rural, através de constituição de um título de domínio, caracterizado como "Carta de Aforamento ou Enfiteuse".

. Usufrutuário - é o titular do direito de usufruto de um bem imóvel rural, através de cessão ou reserva de usufruto, possuindo, usando, administrando e percebendo seus frutos, não podendo entretanto, dispor do imóvel rural.

. Nu-proprietário - é a pessoa que detém o direito de dispor do imóvel rural (domínio direto), não podendo entretanto, utilizá-lo ou usufruí-lo, visto que este direto ficou reservado ao usufrutuário (domínio útil).

. Posseiro a Justo Título - é a pessoa que exerce o direito de posse,que configura por um ato translativo de domínio, cujo título não foi ainda levado a registro imobiliário.

. Posseiro por simples ocupação - posseiros sem documentos de titulação, promitentes compradores que detém a posse e os titulares da posse oriunda de concessão de uso fornecida pelo Governo Federal, Estadual e Municipal.

Quando o imóvel rural for explorado mediante arrendamento, parceria ou comodato caberá aos proprietários, titulares do domínio útil ou possuidores a qualquer título, apresentar ao INCRA as declarações de cadastro de cada um dos arrendatários, parceiros ou comodatários, abaixo conceituados:

. Arrendatário - É a pessoa que explora imóvel rural, no todo ou em parte, mediante contrato escrito ou verbal, remunerando o proprietário, titular do domínio útil ou possuidor a qualquer título com valor pré-determinado;

. Parceiro - É a pessoa que explora o imóvel rural, no todo ou em parte, mediante contrato agrário escrito ou verbal, remunerando o proprietário, titular do domínio útil ou possuidor a qualquer título com um percentual da produção alcançada;

. Comodatário - É a pessoa que explora imóvel rural, no todo ou em parte, cedido pelo proprietário, titular do domínio útil ou possuidor a qualquer título de forma gratuita.

III - COMO UTILIZAR OS FORMULÁRIOS

Existem três formulários, sendo dois destinados a coleta de dados referentes ao imóvel rural e um destinado a coleta de informações sobre a(s) pessoa(s) e sua vinculação com o imóvel rural. Os três formulários são:

a) Declaração para cadastro de imóveis rurais- DADOS PESSOAIS E DE RELACIONAMENTO.
b) Declaração para cadastro de imóveis rurais- DADOS SOBRE ESTRUTURA.
c) Declaração para cadastro de imóveis rurais- DADOS SOBRE USO.

Obs: Os formulários para cadastro de imóveis rurais encontram-se disponíveis gratuitamente em todas as prefeituras conveniadas com o INCRA, para tratar de assuntos relacionados ao Sistema Nacional de Cadastro Rural SNCR do seu estado e o manual de Cadastro no site do INCRA- www.incra.gov.br.

 

ROBERTO TADEU TEIXEIRA - Engenheiro Agrimensor, Chefe do Setor de Geomensura, Coordenador do Comitê Regional de Certificação do INCRA/SP, Membro da equipe técnica que elaborou a Norma de Georreferenciamento e Professor da Faculdade de Engenharia de Agrimensura de Pirassununga-SP.

<



Softwarepublico
 
Furtado
 
Cadastral Survey
Recanto do Senhor
 
Livro_Geodésia


Copyright 2002 - www.portalgeo.com.br - Todos os direitos reservados